Pesquisando...
terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Pela primeira vez a frota de aviões agrícolas ultrapassou a marca de 2000 aviões no Brasil, confirmando a posição do País com a segunda maior frota no mundo. É o que mostra recente trabalho de pesquisa feito por Agronautas junto ao RAB - Registro Aeronáutico Brasileiro. O documento divulgado é composto por uma série de gráficos e números, que são a seguir resumidos:

Frota ao final de 2014:

Ao final de 2014 a frota era composta por 2007 aviões, entre "regulares" e "irregulares" junto ao RAB, representando um crescimento de 4,26% sobre a frota de dezembro de 2013. Um  recuo sobre a taxa de crescimento verificada no período 2012-2013 (6,29%).

Nacionais e importadas:

Estavam matriculadas 1220 aeronaves de fabricação nacional e 787 aeronaves fabricadas no exterior, correspondendo respectivamente a 60,79% e 39,21%.

Unidades da Federação:

O Mato Grosso continua a ocupar a posição da maior frota, com 467 aeronaves, seguido pelo Rio Grande do Sul (420), São Paulo (287), Goiás (239), Paraná (141), Bahia (102), Mato Grosso do Sul (100), seguindo-se os demais com menores números. É de ressaltar o crescimento da frota na Bahia, que neste ano ultrapassou pela primeira vez a frota do Mato Grosso do Sul.

Marcas e Modelos:

No ranking dos fabricantes, a EMBRAER-Neiva é o que possui maior número de aeronaves matriculadas (1220 aeronaves). Deste fabricante, os modelos que predominam são os EMB-201A, EMB-202 e EMB-202A. Segue-se a Cessna, com 287 aeronaves (predominando o modelo A188B - Agtruck), Air-Tractor, 257 aeronaves (predomínio do AT-502 / AT-502B) e a  Piper com 144 aviões  (PA-25-235 e PA-25-260)

Aeronaves Turbohélice:

As aeronaves com turbina  continuam tendo forte incremento na frota, representando a grande maioria das aeronaves importadas ao longo de 2014. Ao final do ano estavam matriculadas 250 aviões turbo-hélice, representando 12,46% da frota total. Predominam os aviões da AIR-TRACTOR (226 aeronaves dos modelos 402, 502, 503 e 802) e THRUSH (20  aeronaves dos modelo S2R-T34 e S2R-H80); há ainda 4 aeronaves PZL 106-BT-601 "Kruk").

Idade Média:

A idade média dos aviões que compõem nossa frota aeroagrícola foi calculada em 22 anos.

Confira o documento na íntegra AQUI

0 comentários:

Postar um comentário