Pesquisando...
domingo, 3 de novembro de 2013



A FAA, agência que regula a aviação civil nos EUA, acaba de autorizar o uso de eletrônicos durante todas as fases do voo. Segundo a medida, os eletrônicos deverão estar (ligados ou não) no bolso do assento à frente do passageiro durante o pouso e a descolagem. Para isso, os dispositivos terão que permanecer no “modo avião”, ou com a conectividade desativada - as ligações continuam proibidas. Como o Portal do Aviador já havia apurado em matéria recente, o uso dos portáteis era proibido durante operações extremas, como pousos e decolagens, pela possível interferência que exerceriam nos controladores de voo. 

A resolução da FAA, porém, não permitirá o uso irrestrito dos eletrônicos. As companhias, primeiramente, terão que passar por um teste, provando que os seus aviões estão seguros para a finalidade – o que a entidade espera que aconteça até o fim deste ano. A FAA ainda declarou que, para chegar à resolução, precisou da contribuição de um grupo de especialistas, incluindo representantes das aéreas, fabricantes de aviões, passageiros, pilotos, tripulação e da indústria de dispositivos móveis.

Delta é primeira a aderir nova medida 

Segundo nota oficial, através de sua assessoria, a Delta Air Lines tornou-se a primeira companhia a oferecer a possibilidade de uso de dispositivos eletrônicos portáteis abaixo de dez mil pés de altitude. Todas as aeronaves da Delta passaram pelo teste da FAA e já estão prontas para o uso de e-readers, tablets e smartphones durante o taxiamento, decolagem e pouso dentro dos EUA. 

0 comentários:

Postar um comentário